Vidabrasil circula em Salvador, Espírito Santo, Belo Horizonte, Brasília, Rio de Janeiro e São Paulo Edição Nº: 329
Data:
15/6/2003
Capa | Edições anteriores| Assine já | Fale com a redação
Página visitada: 1859219 vezes
» Índice
» Editorial
Que PT É ESSE?
» Momento 1
Momento especial para Anna Carolina Mathias,que foi a Salvador e teve a sorte de encontrar o ídolo Bell Marques.
» Ponto de Vista
Waldemar Nielsen analisa a difícil situação econômico-financeira por que passa a aviação brasileira
» Aqüicultura
Al Mare
» Turismo
Austrália, o mais antigo continente do mundo e um dos mais atrativos pontos turísticos do planeta
» Turisnotas
Vasp 70 anos
» Triângulo
Teatro Carlos Gomes é reaberto ao público depois das obras de recuperação patrocinadas pela CST
» Serviço
SACAR A ROLHA
» Autos
Lançado em Genebra, novo Mitsubishi Outlander marca uma nova imagem para o construtor japonês
» Passarela
Em Brasília, os 15 anos de Lavinia, para alegria dos pais deputado Jutahy Magalhães e sua Jaqueline
» Curiosidade
THE MATRIX RELOADED  
2500 planos são mentira

» Foco
Eternos tesouros
» Comportamento
Baton com graxa
» Prazer
De maior
» Morar
O ninho de Loris
» Bahiainfoco
com arte por todos os lados
» Boca miuda
Uma bomba!
Autos

Agressivo e inovador  
OOutlander é a primeira evidência das mudanças que têm acontecido na Mitsubishi desde 2001, ano em que a marca apresentou um novo conceito de automóveis a que chamou ASX (Active Sports Crossover). O novo automóvel surge assim ligado ao Airtrek (a versão ASX comercializada apenas no mercado japonês) e inicia o conceito "Sports wagon/SUV (veículo utilitário esportivo) crossover", ou seja, um veículo que faz a ponte entre estes dois tipos de modelos.  
Stefan Jacoby, presidente do Conselho de Administração da Mitsubishi Motors, definiu o Outlander como "o embaixador para a nova Mitsubishi. O seu design, a qualidade, o espírito, a funcionalidade e o estilo esportivo irão claramente demonstrar a viabilidade da marca para os consumidores-alvo na Europa". Um alvo que inclui os clientes de modelos como o Honda Cr-V e o Toyota RAV4, os principais concorrentes deste lançamento.  
A dianteira do Outlander marca a nova imagem do fabricante, com grades divididas e um logotipo maior, cromado e tridimensional. O veículo tem um aspecto agressivo, algo que é conseguido pela utilização de saias laterais com sombreado escuro, dois pára-choques robustos e um porta-bagagens no teto, com capacidade para 80 quilos.  
Apesar desta aparente agressividade, o modelo da Mitsubishi tem uma altura abaixo da maioria dos SUV: apenas 1,6 m, e ainda em relação ao aspecto exterior, há que destacar detalhes como os faróis traseiros, que são de vidro claro, e o aileron montado no teto.  
No interior, encontramos um painel de instrumentos pouco comum, em forma de T, com um relógio analógico ao centro. As dimensões da cabine proporcionam conforto e a posição de condução é sobre-elevada, típica de um SUV.  
Os bancos traseiros são reclináveis e rebatíveis, acontecendo o mesmo com os dianteiros. Algo que maximiza o espaço do bagageiro e permite o transporte de objetos com quase dois metros de comprimento. Em outra vertente, o peso do veículo (1.535 quilos) é bastante baixo, tendo em conta o tipo de automóvel.  
Quanto à segurança, a cabine é indeformável e os dois airbags vêm como equipamento de série. Nos bancos de trás, os cintos de segurança são projetados para facilitar a fixação de uma cadeira para criança. E, detalhe importante, em caso de acidente, as portas destrancam-se automaticamente.  
A gama Outlander será comercializada em duas versões: Comfort e Sport. A primeira terá tração tanto nas duas como nas quatro rodas, enquanto que a Sport terá quatro rodas motrizes.  
O sistema de frenagem de ambas as versões possui ABS com quatro sensores, bem como EBD (Sistema Eletrônico de Controle de Distribuição de Travagem). O Outlander vem ainda equipado com discos ventilados, tanto na frente como atrás.  
Desde o lançamento em maio deste ano, o novo Outlander está disponível com um motor de 2.0 litros, com 16 válvulas e 136 cavalos. Um propulsor que, segundo a marca, permitirá uma velocidade máxima de 192 km/h.  
No final de 2003, surgirá um motor de 2.4 litros, com 159 cavalos, capaz de levar o carro aos 203 km/h. Só durante o próximo ano será comercializado um propulsor de 2.0 litros, turbocomprimido, de 200 cavalos.  
Nesta fase, o motor a diesel está ainda sob pesquisa, não havendo data para o seu lançamento. Os potenciais clientes do Outlander costumam preferir este combustível, pela economia que permite a médio e longo prazos  

  
O novo Mitsubishi Outlander está em cena. Apresentado em março no Salão de Genebra, este automóvel marca uma nova imagem para o construtor japonês, cada vez mais apostando na inovação.

um painel de instrumentos de aspecto invulgar dá ao Outlander um toque futurista



este carro tem um visual agressivo, seja qual for o ângulo por que o observemos. Mas o conjunto resulta numa estética que, podemos afirmar, é bastante agradável

espalhados pelo interior do automóvel, há vários compartimentos para guardar pequenos objetos

muito espaço para bagagem é



Copyright © 2001, Vida Brasil. - Todos os direitos reservados.