Vidabrasil circula em Salvador, Espírito Santo, Belo Horizonte, Brasília, Rio de Janeiro e São Paulo Edição Nº: 315
Data:
30/9/2002
Capa | Edições anteriores| Assine já | Fale com a redação
Página visitada: 1374632 vezes
» Índice
» Foco
Um brinde ao paladar  

» Turismo
Australia Em contato com a natureza  

» Comportamento
é proibido fumar Os Estados Unidos não cessam a guerra contra o cigarro. Estão proibindo os fumantes de alimentar o vício até nas suas próprias casas  

» Arte
Conheça a técnica de pintar as matas brasileiras, da pintora Beth Lírio, que está conquistando o mundo
» Editorial
O endereço do crime
» Boca Miúda
Surpresa de São Matheus, pode atrapalhar os planos do “chapão” que quer eleger grande número de deputados
» Triângulo
Ortopedista Geraldo Silveira implanta equipamento revolucionário em sua clínica de Santa Lúcia
Editorial

Que país é esse?  
Antes, este era apenas um verso cantado pelos amantes do rock nacional.  
Hoje, certamente, a questão ecoa pelos quatro cantos do mundo.  
Afinal, depois das cenas de violência ocorridas no presídio de segurança máxima Bangu 1, localizado no Rio de Janeiro, como podemos imaginar a triste realidade do país em que vivemos?  
A organização dos bandidos, a submissão da polícia, o nível dos armamentos usados pelos autores da violência e a determinação e facilidade com que eles definem e executam aqueles que querem, é definitivamente algo de assustar e indignar até os mais indiferentes à cruel realidade vivida hoje no Estado que sempre foi o portão de entrada do Brasil.  
Decididamente, o poder paralelo tomou conta do Rio de Janeiro. De dentro de sua cela, em Bangu 1, Fernandinho Beira-Mar comanda aquela que se torna a maior organização criminosa do país, à revelia de qualquer ação repressora. Mostra o poder que adquiriu com o narcotráfico. Mostra a ação clara do crime organizado.  
Quem acompanha os trabalhos da missão especial que veio desvendar o crime organizado no Espírito Santo deve ficar atônito diante dos contrastes entre os dois estados do Sudeste brasileiro. Provavelmente, a maioria deve ter dificuldade para compreender porque foi escolhido o Espírito Santo para essas ações.  
Em território capixaba, a missão fala muito sobre possíveis nomes que compõem o comando do crime organizado. Parece até querer afirmar sobre seu endereço. Mas, na prática, não consegue nada que justifique tamanha celeuma em torno do pequeno Espírito Santo.  
Enquanto isso, no Rio, o presídio de Bangu 1 tem endereço fixo e comando claramente conhecido pelo Brasil e pelo mundo. Mas, na prática, nada ainda foi eficazmente feito para destruir ou, pelo menos, reduzir o poder da verdadeira bandidagem.  
Não estamos aqui afirmando que não há crime organizado no Espírito Santo. Queremos que todas as suspeitas sejam esclarecidas e realmente comprovadas. Isto, porque o que desejamos verdadeiramente é que o Estado volte a seu ritmo normal, que o Espírito Santo possa crescer e readquirir a confiança das pessoas de bem.  
A população aguarda ansiosa pela conclusão de todas as apurações. Temos a certeza que somente com o fim de todas as suspeitas o Estado vai retomar o rumo do desenvolvimento que tanto desejamos.  



Copyright © 2001, Vida Brasil. - Todos os direitos reservados.